Fale conosco - Downloads - Notícias
Home
Notícia
<< Voltar

70% dos executivos convivem com alto nível de estresse

09/11/2016 em Notícias
AmCham Rio reúne especialistas para falar sobre wellness coaching, técnica de saúde e bem-estar, nas empresas
Da esquerda para a direita: Ana Cláudia Pinto, Marie Bendelac, Gilberto Ururahy e Eduardo Saad.
Ser bem-sucedido e atingir metas, principalmente em um cenário de crise, e ainda manter um estilo de vida saudável é um dos maiores desafios dos profissionais. Junto a isso, o excesso de informação e estímulos da internet, o uso excessivo de smartphones, a má alimentação e o sedentarismo fazem com que 70% dos executivos convivam com alto nível de estresse e 80% de todas as consultas médicas do mundo tenham relação com o problema.


Para falar sobre o estresse no mundo corporativo e os impactos que ele causa, o Comitê de Saúde da Câmara de Comércio Americana do Rio de Janeiro (AmCham Rio) reuniu, nesta terça-feira (08/11), o diretor médico da Med-Rio Check-Up e presidente do Comitê, Gilberto Ururahy; o coordenador do serviço de arritmias e estimulação cardíacas do Hospital Pró-Cardíaco e do Hospital Samaritano, Dr. Eduardo Saad; as sócias diretoras e co-fundadoras da Be Coaching, Marie Bendelac e Wanda Quadra; e a diretora de Produtos e Soluções Digitais da Healthways Brasil, Ana Cláudia Pinto.


O estresse crônico, estado de estresse prolongado e contínuo que resulta em um estilo de vida inadequado, é o principal fator de risco para a saúde na atualidade. “Sob estresse crônico e intenso, nossas capacidades energéticas se esgotam abrindo caminho para doenças como obesidade, hipertensão arterial, diabetes e câncer”, disse Ururahy. Além disso, sob estresse, aumenta-se a quantidade de cortisol e adrenalina no sangue, gerando sintomas conhecidos por quem vive estressado: destruição das células relacionadas à memória, queda da imunidade, ganho de peso, retenção de líquidos e insônia.


A Med-Rio realizou um estudo sobre o perfil de saúde dos executivos que realizaram Check-up na empresa e chegou à conclusão de que, em 2015, 62% estavam acima do peso, 27% tinham insônia e 12%, depressão. Comparando com dados de 1990, o câncer de próstata, comum aos 60 anos, hoje atinge homens a partir dos 45, enquanto o infarto, que era comum aos 50, hoje é aos 35 anos. No caso das mulheres, o infarto que atingia uma em cada 9 casos, hoje atinge uma mulher a cada três casos. E o câncer de mama passou dos 40 para os 35 anos.


Ururahy defende que a adoção de hábitos saudáveis e diagnósticos precoces podem reverter esse quadro e melhorar significativamente não só a saúde e a vida pessoal, mas também a produtividade e o desempenho no trabalho. Mas para Marie, “as empresas ainda pensam que a saúde é uma questão do indivíduo, desconsiderando que o trabalho tem papel fundamental na vida das pessoas e o benefício do bem-estar beneficia ambos”.


A especialista em wellness coaching explicou que a técnica auxilia empresas a reduzir o estresse dos seus funcionários através de hábitos saudáveis. “Pesquisas recentes de Harvard mostram que 85% das pessoas não conseguem mudar sozinhas hábitos como se alimentar melhor, dormir bem ou praticar uma atividade física regular”, disse ela. Para Marie, o coach de bem-estar não deve ser visto como um gasto, mas sim como investimento. “Para cada R$ 1 investido, há um retorno financeiro de R$ 4, porque são as pessoas que geram os resultados e a forma como elas estão se sentindo influencia”, afirmou.


De acordo com a co-fundadora da Be Coaching, é preciso pensar na geração millenium, que hoje ocupa 30% das empresas, mas em 2025 ocupará 75% dos cargos. “A pesquisa sobre empresa dos sonhos revelou que 78% dos millennials querem sessões de coaching”, disse Marie. A especialista enfatiza que o bem-estar aumenta em 27% a performance, em 45% a adaptabilidade às mudanças e diminui em 59% a busca por outro emprego. “100% dos clientes da Be Coaching avaliaram que o programa aumentou os resultados na vida profissional”, disse ela. Ana Cláudia faz coro: “coaching é uma técnica, mas também uma cultura e cada elemento do bem-estar contribui de forma diferente para valores-chave da organização, gerando resultados financeiros”.


Veja as fotos do evento: http://bit.ly/fotosestresse
Agenda

mantenedores

OURO

PRATA

  • Praça Pio X, 15 / 5º andar – Centro
    CEP: 20040-020 – Rio de Janeiro/RJ
  • + 55 (21) 3213-9200
    Fax: 55 (21) 3213-9201
  • amchamrio@amchamrio.com
Redes AmChamRio
  • COPYRIGHT © 2012.