Fale conosco - Downloads - Notícias
Home
Notícia
<< Voltar

Sofrimento no presente, progresso no futuro

22/06/2015 em BRAZILIAN BUSINESS
Por Julio Bueno*, Secretário de Fazenda do Estado do Rio de Janeiro
Julio Bueno: a conjuntura é, sem dúvida, adversa e turbulenta, mas passageira
A importância do petróleo para a economia do Estado do Rio de Janeiro é de conhecimento de todos. A despeito de todos os esforços canalizados com sucesso, desde 2007, para a diversificação da economia fluminense – que levou ao fortalecimento de setores como o automotivo e o de alimentos –, o desempenho do setor de óleo e gás ainda é determinante para os cofres estaduais.

O mesmo petróleo que transformou a nossa economia em uma das mais fortalecidas do País – e, nos últimos anos, com as descobertas do pré-sal e os investimentos da Petrobras, em uma das grandes apostas do mundo em desenvolvimento – é agora um dos principais responsáveis por um dos momentos mais difíceis que atravessamos na história.

O Rio não é uma ilha, o Rio faz parte do Brasil. No passado recente, o Estado foi o grande alavancador de investimentos e imagem brasileiros. O Brasil crescia, e a economia do Rio avançava ainda mais. Éramos o Brasil do pré-sal, da Olimpíada e da Copa do Mundo, com o Estado de protagonista.

O que aconteceu, a partir do segundo semestre do ano passado, é que a economia do Brasil começou a andar de lado e para trás, e já há previsões de contração significativa neste primeiro semestre.

Tudo isso está repercutindo enormemente no Rio de Janeiro, que teve todo o forte processo de crescimento, de alguma forma, interrompido. O pré-sal foi paralisado, com a queda brusca no preço do petróleo. Houve, ainda, a Operação Lava Jato, que prejudicou profundamente os investimentos da Petrobras, que tem no Rio o principal teatro de operações e que, nos últimos meses, esteve parada.

O impacto, como todos sabem, tem sido muito grande. O Rio, que liderava positivamente os avanços no mercado de trabalho brasileiro, assiste à perda de empregos formais. O processo de diversificação da economia, que vinha acelerado, agora espera por dias melhores, enquanto as empresas e os cofres públicos amargam uma crise que passa longe da banalidade.

Mas há esperança, há luz. Todas as providências estão sendo tomadas para reverter os problemas de déficit de caixa do governo estadual. Além disso, a Petrobras publicou o balanço da empresa e está avançando, o que muda as condições da companhia, que começa a olhar, novamente, de cabeça erguida, para o futuro, já mirando a retomada progressiva dos investimentos.

Há luz porque o pré-sal está concentrado no litoral do Rio de Janeiro. Há luz porque dispomos de uma base industrial que permite que sejamos otimistas. E, por fim, há o programa de investimentos com os quais o Estado pretende avançar para além das enormes conquistas acumuladas nos últimos anos.

O governo estadual se prepara para lançar algumas Parcerias Público-Privadas (PPP) nas áreas de saneamento, mobilidade e tecnologia, com o Rio Digital. Acredito que a iniciativa privada tenha todos os motivos para manifestar interesse por esses investimentos, porque os projetos são atraentes e o capital estrangeiro estará disponível, já que o Brasil, no momento, está barato, após a maxidesvalorização que ocorreu no real. Além disso, nossos projetos têm taxas de retorno muito maiores que os do resto do mundo, temos democracia e um grau nada desprezível de estabilidade.

A conjuntura é, sem dúvida, adversa e turbulenta, mas passageira. O futuro acena com conquistas que vão garantir que o Rio possa retomar, em breve, o papel de protagonista do desenvolvimento da economia brasileira.

Por Julio Bueno*, Secretário de Fazenda do Estado do Rio de Janeiro

* Os artigos assinados são de total responsabilidade de seus autores, não representando necessariamente a opinião dos editores e da Câmara de Comércio Americana do Rio de Janeiro.

Saiba Mais:

Indústria reclama mudanças no pré-sal
http://www.amchamrio.com.br/site-noticia?noticiaSite.id=760

Governo promete desonerar investimento em energia solar
http://www.amchamrio.com.br/site-noticia?noticiaSite.id=761

Reflexão em tempos de crise
http://www.amchamrio.com.br/site-noticia?noticiaSite.id=762

Sofrimento no presente, progresso no futuro
http://www.amchamrio.com.br/site-noticia?noticiaSite.id=763


Mudanças para desenvolver o pré-sal
http://www.amchamrio.com.br/site-noticia?noticiaSite.id=758


Leia a íntegra da BB 292 (PDF):
http://amchamrio.com/srcreleases/BB292.pdf

Revista Brazilian Business:
http://www.amchamrio.com.br/site-perfil
Agenda

mantenedores

OURO

PRATA

  • Praça Pio X, 15 / 5º andar – Centro
    CEP: 20040-020 – Rio de Janeiro/RJ
  • + 55 (21) 3213-9200
    Fax: 55 (21) 3213-9201
  • amchamrio@amchamrio.com
Redes AmChamRio
  • COPYRIGHT © 2012.