Fale conosco - Downloads - Notícias
Home
Notícia
<< Voltar

A energia pode ser o grande diferencial do Brasil

em Associados
Nelson Siffert, executivo do BNDES, fala sobre o panorama energético do país

"Energia não é um problema para o Brasil, e sim oportunidade." Esta frase deu o tom otimista da palestra do chefe do departamento de Energia do BNDES, Nelson Siffert, em café da manhã promovido pela Câmara de Comércio Americana. Siffert afirmou que 42% das fontes energéticas do país são renováveis, enquanto as nações desenvolvidas têm apenas 16%. Além disso, o potencial hídrico brasileiro é o segundo maior do mundo, só perdendo para o Canadá.



 



Até agosto desse ano, o BNDES investiu R$ 36,9 bilhões no setor, ultrapassando 12 mil megawatts de energia em execução. O banco também atua em projetos filiados ao Plano de Aceleração do Crescimento (PAC) nas áreas de fontes alternativas, termeletricidade, transmissão e, principalmente, geração hídrica.



 



“Só no PAC, são 61 usinas hidrelétricas apoiadas pelo BNDES, inclusive a UHE Santo Antônio, no Rio Madeira, que, sozinha, produzirá 3,150 MW”, afirmou Siffert, acrescentando que a grande quantidade de projetos se deve ao dinamismo e à reduzida burocracia do banco.



 



O evento teve o patrocínio da Suez Energy Brasil e da Wärtsilä.



 

Agenda

mantenedores

OURO

PRATA

  • Praça Pio X, 15 / 5º andar – Centro
    CEP: 20040-020 – Rio de Janeiro/RJ
  • + 55 (21) 3213-9200
    Fax: 55 (21) 3213-9201
  • amchamrio@amchamrio.com
Redes AmChamRio
  • COPYRIGHT © 2012.